Fala Werneck

@fala.werneck_antesdemelibertarresenha

 

Faro Editorial.

318 páginas

 

A potência do amor que transforma

 

“Antes de me libertar de você” é um romance grandioso por mostrar a força do amor e o enorme poder que ele possui de transformar a vida das pessoas.

 

A história tem suas partes singelas, românticas e também aquelas intensas (e até dolorosas).

 

É uma obra que mostra os diferentes tipos de amor e como é sempre desafiador construí-lo.

 

O amor entre um casal exige dedicação, afeto, respeito, equilíbrio e empatia; porque as pessoas são diferentes e reagem de formas distintas diante de cada situação da vida.

 

Os ritmos são variados e, às vezes, uma pessoa quer que a outra “funcione” num ritmo diferente do que ela consegue. Mas com acolhimento e compreensão, aos poucos elas conseguem se ajustar, porque a vontade é uma grande aliada.

 

O amor entre mãe e filha é magnífico, forte, mas pode passar por fases sombrias quando a comunicação deixa de ser uma possibilidade por bloqueios individuais. Yasmen sofre demais ao ver que, a cada dia, sua filha parece se afastar cada vez mais dela.

 

E o leitor se envolve, angustia e também tenta entender o motivo dessa mágoa, torcendo e esperando que elas consigam se reconectar.

 

Há um outro tipo de amor. Esse, em alguns casos, pode ser o mais difícil de alimentar e fortalecer: o amor-próprio.

 

Yasmen luta diariamente contra a parte dela que sempre a condena e julga pela maneira que ela agiu e como se sentiu em situações dolorosas e inimagináveis.

 

Como ela diz na história, é preciso que sejamos a nossa própria observadora gentil.

 

“— Significa me enxergar com clareza, o bom, o mau, o belo, o feio, as falhas, os erros, reconhecendo o que penso e sinto de verdade, e sem julgar essas emoções. Entendendo a mim mesma. Sem me censurar. Tendo compaixão por mim mesma.”

 

O amor nos engrandece. Que consigamos ser nossos próprios observadores gentis.

 

Além disso, outro ponto essencial de ser mencionado sobre a obra é a relevância da terapia.

 

Josiah sempre foi relutante, descrente e essa incompreensão e bloqueio o afastaram muito de Yasmen.

 

O livro mostra como as pessoas mudam, como elas se abrem, amadurecem emocionalmente e descobrem um pouco mais sobre si mesmas quando se permitem viver, sentir (a dor e a alegria), porque até nisso a gente pode se bloquear.

 

O livro é maravilhoso.

 

Um romance que é muito mais do que um “simples” romance sobre segundas chances.

 

Compre o livro na Amazon: https://amzn.to/4aAX2tC

 

Comentários (0)